{ background: black }

terça-feira, abril 15, 2008

Takka Takka – We Feel Safer At Night (2007)

 pelO Puto 



Apesar do disco de estreia deste quinteto de Brooklyn ter sido editado em 2006, antes deste borough de Nova Iorque estar na berra, houve reedição e distribuição mundiais em finais do ano passado, onde ao alinhamento original se acrescentava o EP “Talk Faster”. Apesar de não serem originais nem revolucionários, existe aqui encanto suficiente para cativar quem aprecia estas misturas de folk com indie, que é como quem diz uma banda-citadina-que-tenta-dar-a-entender-que-vive-no-campo.
Os temas, de uma leveza descomprometida, tanto abordam situações comuns (miúdas, actrizes, testemunhos de um quotidiano pouco turbulento) como reflectem sobre assuntos desconcertantes ou simplesmente disparatados. Sem sustos, a energia é substituída por harmonia, sendo a guitarra acústica o elemento preponderante, onde se sobrepõem algumas linhas eléctricas, harmónicas, pianos e palmas de forma harmoniosa. Entrevem-se influências de algumas fases de Bob Dylan, dos Velvet Underground ou dos Pavement, bem como semelhanças com os Clap Your Hands Say Yeah, seus companheiros de estrada nos primeiros tempos.
Ainda aparentam estar num estado menos refinado, mas creio que um segundo álbum, a ser lançado este ano, poderá vir a confirmar este potencial e impeli-los para um público maior.
Sítio oficial dos Takka Takka
Takka Takka no MySpace
Amostras: Coco In The Corner | She Works In Banking | Draw A Map

1 Comments:

Blogger Kraak disse...

É bastante engraçadito este álbum. O que mais admiro é que não é nada pretensioso e os temas, uns mais que outros, têm o encanto certo. Acho que precisam de uns toques de equilíbrio em alguns temas, algo repetitivos, talvez. Apesar da comparação e do fracasso do 2º álbum dos CYHSY, acho que estes com o seu 1º e homónimo álbum são bastante superiores.

Vamos ver o que se apresenta em breve. Acho que os Takka Takka vão lançar o seu 2º álbum já em Maio! :)

Takka-Hugzzz!

20/4/08 9:40 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home